Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Palavras ousadas

O meu espaço de ousadia

Palavras ousadas

O meu espaço de ousadia

Adeus ao subsídio de refeição a funcionários da Câmara de Famalicão

camara fama.jpg

"Alguns funcionários da Câmara de Famalicão perderem o subsídio de refeição nos meses de abril e maio, quando estiveram em casa. O Bloco de esquerda (BE) fala em cerca de mil funcionários, a Câmara diz que não chegam a 250 e que a culpa é do despacho aprovado em Conselho de Ministros para regulamentar o teletrabalho.

O caso foi denunciado, esta segunda-feira, pelo BE de Famalicão que, em comunicado, veio exigir que a Câmara Municipal restituía o pagamento do subsídio de alimentação aos trabalhadores municipais que estiveram em casa nos meses de abril e maio, adiantando que "a estimativa é de aproximadamente 1000 funcionários terem perdido cerca de 100 euros mensais relativos ao subsídio de alimentação"

Este não é um problema exclusivo dos trabalhadores municipais. Muitas empresas estão a aproveitar o facto de alguns dos seus trabalhadores estarem a operar a partir de casa "teletrabalho" para justificarem o não pagamento dos subsídios de alimentação. É o país que temos.